Grupamento Aéreo vai voltar a funcionar no oeste do Pará

0

A volta do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) à região oeste do Pará deve auxiliar o trabalho em conjunto das polícias Militar e Civil no combate a roubos em Santarém e demais municípios. Segundo a PM, pouco mais de 2 mil ocorrências foram registradas na região de janeiro a setembro de 2019.

O objetivo do trabalho em conjunto é diminuir os casos de roubos e prestar mais segurança aos 13 municípios da região oeste, onde Santarém, Oriximiná, Juruti, Óbidos e Alenquer lideram a lista de ocorrências. A ação do Comando de Policiamento Regional 1 (CPR-1) e da Superintendência de Polícia Civil do Baixo Amazonas deve abranger roubos simples, que ocorrem com mais frequência.

“É importante ressaltar que essa questão do roubo é muito associada aos pequenos roubos. Roubo de celular, de bicicleta, casos que ocorrem com frequência nos bairros mais afastados, essa é nossa incidência. Aqueles roubos de maior repercussão, a casas bancarias, a comércios também é muito raro acredito que desde 2010 não ocorre”, explicou o superintendente de Polícia Civil do Baixo Amazonas, Jamil Casseb.

A seção de estatística do CPR-1 atua no levantamento de dados referentes aos roubos, o que oferece mais precisão nas informações.

“Nós temos feito esse levantamento junto a nossa seção de estatística do CPR1 tanto na área do 35º batalhão quanto na área do 3º batalhão, mapeando detalhadamente a área onde está a maior incidência de crime, os bairros, as ruas, os horários, para a partir daí nos lançarmos nosso policiamento de maneira a prevenir e para diminuir essa incidência”, pontuou o comandante do CPR-1, coronel André Carlos Oliveira.

A volta do Graesp foi sugerida durante reunião em Belém, que contou a com a presença das instituições de segurança pública do Estado do Pará e deve atuar em Santarém e nos outros 12 municípios da região.

“Nós fomos pleitear, fomos pedir, mostrar as nossas carências e as nossas necessidades. O retorno do Grupamento Aéreo vai ser um avanço fundamental. Nós estamos já em processo de implementação desse Grupo Aéreo novamente aqui na nossa cidade e na nossa região, que vai facilitar demais as nossas atividades tanto da Polícia Militar, como da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e o próprio sistema carcerário do estado,” destacou Jamil Casseb. (G1 Santarém)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, preencha seu nome auqi